???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unifacs.br/tede/handle/tede/423
???metadata.dc.type???: Tese
Title: A modernização conservadora da agricultura nos cerrados do Oeste da Bahia
???metadata.dc.creator???: FERRAZ, Carlos Alberto Leitão
???metadata.dc.contributor.advisor1???: SOUZA, Regina Celeste de Almeida
???metadata.dc.contributor.referee1???: BOAVENTURA, Edivaldo Machado
???metadata.dc.contributor.referee2???: OLIVEIRA, Carlos Eduardo Cardoso de
???metadata.dc.contributor.referee3???: NETO, Joaquim Pedro Soares
???metadata.dc.contributor.referee4???: SOUZA, Laumar Neves de
???metadata.dc.description.resumo???: Esta pesquisa analisa a nova dinâmica de modernização, a expansão e consolidação da agricultura empresarial, que se impôs nos cerrados da Bahia, decorrentes do processo de internacionalização e reorganização do sistema de produção agrícola e inserção dessa moderna agricultura nessa região. Também, caracteriza as transformações do sistema produtivo agropecuário decorrentes, não só da modernização conservadora da agricultura, mas, também da dinâmica seletiva de expansão do capital nessa região. Esse processo se inicia no final dos anos 1970, com a chegada dos imigrantes sulistas e a instalação dos primeiros projetos agrícolas com incentivos financeiros públicos e se consolida no começo dos anos 1990. O estudo é desenvolvido em quatro (04) municípios do Oeste da Bahia: Barreiras, Formosa do Rio Preto, Luis Eduardo Magalhães e São Desidério. A modalidade investigativa escolhida foi o Estudo de Caso, porque permite uma análise detalhada do fenômeno pesquisado e dentro de um contexto mais amplo. O objeto de estudo escolhido - a modernização conservadora na agricultura - se alicerça em leituras e estudos de autores respeitáveis sobre o tema, estrangeiros e brasileiros. O tema tem relevância histórica, por estar inserido nas discussões acerca do processo de desenvolvimento econômico e regional e por suas consequências na sociedade e na economia, tais como: exclusão social, concentração fundiária, modernização agrícola, produção e produtividade. Este trabalho é também importante, porque é incipiente a literatura sobre o tema em termos de publicações detalhadas sobre as mudanças conservadoras nas bases técnicas da agricultura, e se justifica pelo fato de ser o Oeste do Estado da Bahia, principalmente, os cerrados, região destaque nas três últimas décadas, como um dos principais produtores de grãos do Brasil. Este desempenho incentivou a instalação de diversas empresas processadoras e esmagadoras de grãos, de laticínios e de frigoríficos, entre outras. A recente dinâmica agrícola regional resultou em mudanças no espaço rural, com a incorporação da ciência e de novas técnicas, fatores que tornaram homogêneos, não só este espaço, mas também o urbano, tendo ambos incorporado novas formas de atuação, o que comprova a tomada de ações diferenciadas para o processo de modernização. Isso gerou a criação de espaços produtivos e produtores de riqueza, mas, simultaneamente, de extrema pobreza e exclusão. A investigação destaca a atuação das empresas agroindustriais na região, focando o controle que elas exercem sobre a dinâmica da cadeia produtiva regional, e identifica novas estratégias empresariais, formas de financiamento e o uso corporativo do território. A pesquisa apontou que a expansão do capital nos cerrados baianos privilegiou determinados espaços geográficos dos cerrados, alguns produtos e produtores, e como tudo isso resultou na perpetuação e no agravamento da exclusão social na região.
Abstract: This research analyses the new dynamics of modernization, the expansion and consolidation of agribusiness prevailing in the cerrados of Bahia, processes originated from the internationalization and reorganization of the system of modern agricultural production and the implantation of such modern agriculture in that region. Investigation also aims at characterizing the transformations on the agribusiness system originated not only from the agriculture conservative modernization but also of the selective dynamics of the capital expansion in that region. Such a process begins in the late 1970s with the arrival of southern migrants and the installation of the first agricultural projects supported by public financial incentives and is consolidated in the early 1990s. The study is developed in four (04) towns in the West side of Bahia: Barreiras, Formosa do Rio Preto, Luis Eduardo Magalhães and São Desidério. Methodology selected was the Case Study because it allows for a detailed analysis of the phenomenon in question and within a broader context. The study of the theme selected - the conservative modernization of agriculture – is grounded in readings and studies on the theme by respectful foreign and Brazilian authors. The theme is historically relevant as a central issue in debates on the process of economic and regional development as well as its effects over society and economy such as social exclusion, concentration of large territory possessions by a few owners, agricultural modernization, production and productivity. The investigation is also important as pertinent literature on the theme lacks detailed publication on conservative changes in the bases of agricultural techniques; and is justified because Bahia West side, mainly the cerrados region, emerged as one of the most important agricultural producers in Brazil in the last past decades. Such performance motivated the installation of several industries which process grains; deal with dairy products and ice-boxes among others. This recent regional agriculture dynamics resulted in changes with the incorporation of Science and new technologies, factors which made homogeneous both the rural and urban areas and they incorporated new forms of acting, and this shows the presence of different actions for the processing of modernization. This gave rise to the creation of productive spaces and the appearance of wealth producers but, simultaneously, engendered spaces of extreme poverty and exclusion. Research also describes the agrobusiness performance and focuses on the control they exert over the regional dynamics of the productive chain, and identifies new agrobusiness strategies, new financial forms, and corporative land use. The study revealed that the expansion of the capital in Bahia favored certain geographical spaces of the cerrados, some products and producers, and how all this resulted in the perpetuation and aggravation of social exclusion in the region.
Keywords: Produção agrícola. Agronegócio. Soja. Questão agrária.
Agricultural production. Agribusiness. Soybean. Agrarian issue.
???metadata.dc.subject.cnpq???: Ciências Sociais Aplicadas
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Salvador
???metadata.dc.publisher.initials???: UNIFACS
???metadata.dc.publisher.department???: Desenvolvimento Regional e Urbano
???metadata.dc.publisher.program???: Desenvolvimento Regional e Urbano
Citation: FERRAZ, Carlos Alberto Leitão. A modernização conservadora da agricultura nos cerrados do Oeste da Bahia. 2015. 261f. Tese (Doutorado em Desenvolvimento Regional e Urbano) - UNIFACS Universidade Salvador, Salvador, 2015.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://teste.tede.unifacs.br:8080/tede/handle/tede/423
Issue Date: 10-Jul-2015
Appears in Collections:Desenvolvimento Regional e Urbano

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE CARLOS ALBERTO LEITÃO FERRAZ.pdfTESE CARLOS ALBERTO LEITÃO FERRAZ3.63 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.