???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unifacs.br/tede/handle/tede/235
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: TERRITORIALIDADE E SABER AMBIENTAL: ÁGUA E MATA COMO ELEMENTOS SAGRADOS NA REPRESA DO PRATA
???metadata.dc.creator???: Melo, Naurelice Maia de 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Souza, Regina Celeste de Almeida
???metadata.dc.contributor.referee1???: Ramos, Alba Regina Neves
???metadata.dc.contributor.referee2???: Barreto, Maribel Oliveira
???metadata.dc.description.resumo???: O objetivo geral deste trabalho é investigar os sentidos atribuídos à água e à mata pela comunidade residente no bairro da Mata Escura (Salvador-Bahia), nas mediações da Represa do Prata que, por sua vez, conta com área remanescente de Mata Atlântica em meio urbano. Para tanto foi necessário o aprofundamento teórico a respeito das noções de espaço, território, territorialidade, conhecimento e saber ambiental, bem como a dedicação à questão do sagrado, com atenção à tradição do candomblé e ao encontro entre esta e a natureza no bairro da Mata Escura. A trajetória metodológica tem por fundamento o estudo de caso em sua dimensão multireferencial e compreende dentre seus procedimentos o trabalho de campo com visitas a localidade, a realização de entrevistas, o registro de relatos, fotos e vídeos e participações em situações tais como acampamentos e caminhadas, conforme consta ao longo desta dissertação; distribuída em quatro capítulos. O primeiro capítulo apresenta as perspectivais de espaço, território, complexidade territorialidade. O segundo capítulo consta da trajetória metodológica para a compreensão das especificidades da área de estudo. O terceiro capítulo atende às reflexões sobre a concepção moderna de ciência, suas implicações ambientais e possibilidades de superação mediante outros modos de saber e conhecer que se configuram na contemporaneidade. O quarto capítulo corresponde a atenção mais específica a Água e Mata na qualidade de elementos sagrados no âmbito das relações que tecem a área de estudo. Em cada um dos capítulos ocorrem as devidas associações entre os conceitos, saberes e as relações que tecem a comunidade residente na área de estudo, culminando no reconhecimento das potencialidades do entorno da Represa do Prata e na importância dessas potencialidades para o bem cuidar do ambiente natural.
Keywords: Água
Mata
Represa do Prata
Territorialidade
Saber Ambiental
Sagrado
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ARQUITETURA E URBANISMO::TECNOLOGIA DE ARQUITETURA E URBANISMO::ADEQUACAO AMBIENTAL
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Salvador
???metadata.dc.publisher.initials???: UNIFACS
???metadata.dc.publisher.department???: Desenvolvimento Regional e Urbano
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional e Urbano
Citation: MELO, Naurelice Maia de. TERRITORIALIDADE E SABER AMBIENTAL: ÁGUA E MATA COMO ELEMENTOS SAGRADOS NA REPRESA DO PRATA. 2010. 130 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional e Urbano) - Universidade Salvador, Salvador, 2010.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://teste.tede.unifacs.br:8080/tede/handle/tede/235
Issue Date: 20-Jul-2010
Appears in Collections:Desenvolvimento Regional e Urbano

Files in This Item:
File SizeFormat 
Dissertacao NAURELICE MAIA DE MELO.PDF16.69 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.